outubro 2007 - Posts

Um Meio ou uma Desculpa

Não conheço  ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos  pelo menos uma centena de vezes, da mesma forma, se você quiser construir uma  relação amiga com seus filhos, terá que se dedicar a isso, superar o cansaço,  arrumar tempo para ficar com eles, deixar de lado o orgulho e o comodismo. Se  quiser um casamento gratificante, terá que investir tempo, energia e sentimentos  nesse objetivo.

O sucesso é construído à noite! Durante o dia você faz o  que todos fazem.

Mas, para obter um resultado diferente da maioria, você  tem que ser especial. Se fizer igual a todo mundo, obterá os mesmos resultados,  não se compare à maioria, pois infelizmente ela não é modelo de sucesso, se você  quiser atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros  estão tomando chopp  com batatas fritas. Terá de planejar, enquanto os outros  permanecem à frente da televisão. Terá de trabalhar enquanto os outros tomam sol  à beira da piscina.

A realização de um sonho depende de dedicação, há  muita gente que espera que o sonho se realize por mágica, mas toda mágica é  ilusão, e a ilusão não tira ninguém de onde está, em verdade a ilusão é o  combustível dos perdedores, pois....

'Quem quer fazer  alguma coisa, encontra um meio'.  'Quem não quer fazer nada, encontra uma  desculpa'.

 

Roberto  Shinyashiki
Posted by Paleo with 3 comment(s)
Filed under:

Nunca perca a fé

Um homem investe tudo o que tem numa pequena oficina. Trabalha dia e noite, dormindo apenas quatro horas por dia.

Dorme ali mesmo, entre um pequeno torno e algumas ferramentas espalhadas. Para poder continuar seus negócios, empenha sua casa e as jóias da esposa.

Quando finalmente, apresenta o resultado de seu trabalho a uma grande empresa, recebe a resposta que seu produto não atende ao padrão de qualidade exigido.

O homem desiste? Não!!! Volta á escola por mais dois anos, sendo vítima da chacota de seus colegas e de alguns professores, que o chamam de louco.
O homem fica ofendido? Não!!! Dois anos após ter concluído o curso de qualidade, a empresa que o recusara, finalmente fecha um contrato com ele.

Seis meses depois, vem a guerra. Sua fábrica é bombardeada duas vezes.
O homem se desespera e desiste? Não!!! Reconstrói sua fábrica; mas um terremoto novamente o arrasa.
Você pensará: bom, agora sim, ele desiste! Mais uma vez, não!!!

Imediatamente após a guerra há uma escassez de gasolina em todo o país, e este homem não pode sair de automóvel, nem para comprar alimentos para sua família.
Ele entra em pânico, e decide não mais continuar seus propósitos? Não!!!
Criativo, ele adapta um pequeno motor à sua bicicleta, e sai as ruas. Os vizinhos ficam maravilhados e todos querem as chamadas "bicicletas motorizadas".

A demanda por motores aumenta e logo ele não conseguiria atender todos os pedidos...
Decide montar uma fábrica para a novíssima invenção. Como não tem capital, resolve pedir ajuda para mais de quinze mil lojas espalhadas pelo país.

Como a ideia parece excelente, consegue ajuda de 3.500 lojas, as quais lhe adiantam uma pequena quantia de dinheiro.

Hoje a Honda Corporation é um dos maiores impérios da indústria automobilística.

Esta conquista foi possível porque o sr. Soichiro Honda, o homem da nossa história, não se deixou abater pelos terríveis obstáculos que encontrou pela frente.

Todas as coisas são possíveis, quando sustentadas por sonhos e valores consistentes.

Pense Nisso!!

Posted by Paleo with 3 comment(s)
Filed under:

102 não!

Nos pequenos negócios, muitas vezes temos que ligar para o auxílio à lista para obter alguma informação e isto acabo se tornando caro, portanto aqui vai uma dica:

Não ligue para o 102, mas sim para o 0800-310-102 (Consulta Gratuíta, sim, é verdade!)

Na consulta ao 102 você paga R$ 1,20 pelo serviço que poderia ter de graça.

Muito importante: Funciona até do celular!

Posted by Paleo with no comments
Filed under:

ADVOGADOS versus ADVOGADOS

História real e que ganhou o primeiro lugar no Criminal Lawyers Award Contest.


Um advogado de Charlotte, NC, comprou uma caixa de charutos
muito raros e muito caros. Tão raros e caros que os colocou no seguro,
contra fogo, entre outras coisas.
Depois de um mês, tendo fumado todos eles e ainda sem ter
terminado de pagar o seguro, o advogado entrou com um registro de
sinistro contra a companhia de seguros. Nesse registro, o advogado
alegou que os charutos haviam sido perdidos em uma série de pequenos
incêndios.
A companhia de seguros recusou-se a pagar, citando o motivo
óbvio: que o homem havia consumido seus charutos da maneira usual.
O advogado processou a companhia...E GANHOU!!!
Ao proferir a sentença, o juiz concordou com a companhia de
seguros que a ação era frívola. Apesar disso, o juiz alegou que o
advogado "tinha posse de uma apólice da companhia na qual ela garantia
que os charutos eram seguráveis e, também, que eles estavam segurados
contra fogo, sem definir o que seria fogo aceitável ou inaceitável" e
que, portanto, ela estava obrigada a pagar o seguro.
Em vez de entrar no longo e custoso processo de apelação, a
companhia aceitou a sentença e pagou US$ 15.000,00 ao advogado, pela
perda de seus charutos raros nos incêndios.
AGORA A MELHOR PARTE:
Depois que o advogado embolsou o cheque, a companhia de seguros
o denunciou, e fez com que ele fosse preso, por 24 incêndios
criminosos!!! Usando seu próprio registro de sinistro e seu testemunho
do caso anterior contra ele, o advogado foi condenado por incendiar
intencionalmente propriedade segurada e foi sentenciado a 24 meses de
prisão, além de uma multa de US$ 24.000 ,00.
MORAL DA HISTÓRIA:
Cuidado com o que você faz! A outra parte também pode ter um
advogado melhor e mais esperto!

Posted by Paleo with no comments
Filed under:

Matemática de Mendigo

Raciocínio desenvolvido por um estagiário!
 
Tenho que dar meus parabéns para esse estagiário que elaborou essa pesquisa tão perfeita, pois para mim o resultado que ele conseguiu obter é a mais pura realidade.
Preste atenção nessa interessante pesquisa dele...
 
Um sinal de trânsito muda de estado em média a cada 30 segundos (trinta segundos no vermelho e trinta no verde).
Então, a cada minuto um mendigo tem 30 segundos para faturar pelo menos R$0,10, o que numa hora dará:
60 x R$ 0,10 = R$ 6,00.
Se ele trabalhar 8 horas por dia, 25 dias por mês, num mês terá faturado:
25 x 8 x R$ 6,00 = R$ 1.200,00.
Será que isso é uma conta maluca?
Bom, 6 Reais por hora é uma conta bastante razoável para quem está no sinal, uma vez que, quem doa nunca dá somente 10 centavos e sim 20, 50 e às vezes até 1 Real.
Mas, tudo bem, se ele faturar a metade: R$ 3,00 por hora terá R$600,00 no final do mês, que é o salário de um estagiário com carga de 35 horas semanais ou 7 horas por dia.
Ainda assim, quando ele consegue uma moeda de R$1,00 (o que não é raro), ele pode descansar tranqüilo debaixo de uma árvore por mais 9 viradas do sinal de trânsito, sem nenhum chefe pra encher por causa disto.
 
Mas isto é teoria, vamos ao mundo real. De posse destes dados fui entrevistar uma mulher que pede esmolas, e que sempre vejo trocar seus rendimentos na Panetiere (padaria em frente ao CEFET). Então lhe perguntei quanto ela faturava por dia. Imagine o que ela respondeu?
É isso mesmo, de 35 a 40 reais em média o que dá (25 dias por mês) x 35 = 875 ou 25 x 40 = 1000, então na média R$ 937,50 e ela disse que não mendiga 8 horas por dia.
 
Moral da História:
É melhor ser mendigo do que estagiário, e pelo visto, ser estagiário é pior que ser Mendigo...
Se esforce como mendigo e ganhe mais do que um estagiário.
Estude a vida toda e peça esmolas; é mais fácil e melhor que arrumar emprego.
 
Lembre-se:
Você pode acabar sendo governado por alguém que não estudou, não trabalhou, não sabe o próprio nome, mas terá umas 3 fontes de renda e ainda esnobará a nação inteira com palácios, aviões, viagens internacionais, carros importados, bebidas caríssimas... etc, etc, etc...
Mendigo não paga 1/3 do que ganha pra sustentar isso!
 
Viva à Matemática!
Posted by Paleo with 14 comment(s)
Filed under:

Imóvel: Consórcio ou Financiamento??

O valor pago em um consórcio, para compra de um imóvel, pode ser 6,82% menor do que em um financiamento, segundo simulação realizada pelo economista Miguel de Oliveira, conselheiro da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).

De acordo com os dados, na compra de um imóvel de R$ 100 mil em 10 anos, com sistema de amortização de financiamento (Sacre), o preço final pago no financiamento é de R$ 150.811,90, com juros de 8,16% por ano mais TR (Taxa Referencial), enquanto no consórcio é de R$ 140.519,68 somente com taxa de administração de 17,04% a.a e inflação de 4% a.a.

Quando levado em consideração o fundo de reserva, cobrado apenas em alguns consórcios, a diferença cai para 5,23%, com o valor final de R$ 142.920,93.

Na ponta do lápis
Para que você tenha noção de quanto pagará na primeira e última parcela nos três casos - financiamento, consórcio apenas com taxa de administração (1) e consórcio com taxa de administração e fundo de reservas (2) - veja abaixo a simulação feita pelo economista.
Prestação Financiamento Consórcio 1 Consórcio 2
Primeira R$ 1.514,18 R$ 975,33 R$ 992,00
Última R$ 952,42 R$ 1.388,21 R$ 1.411,93
Total R$ 150.811,90 R$ 140.519,68 R$ 142.920,93


Fonte: Simulação Miguel de Oliveira

Por qual optar?
Apesar do valor pago no financiamento ser maior do que no consórcio, o consumidor deve ter em mente quais são suas necessidades e condições financeiras antes de optar por um ou por outro.

A grande vantagem dos consórcios é que não embutem juros, mas precisa-se esperar para ser sorteado para receber o imóvel. No caso do financiamento, o bem é adquirido logo quando se começa a pagar as parcelas, mas o valor final pode sair mais caro.

 

 


Fonte: Flávia Furlan Nunes
02/10/07 - 17h27
InfoMoney

Posted by Paleo with 35 comment(s)
Filed under: