in

CarlosFPRocha.com

Sua fonte de informações

Reflexões

Neste blog abordarei assuntos a serem refletidos. Na sua maioria aspectos ligados à vida de um pequeno e/ou médio empresário. Seus desafios, curiosidades e constatações. Além de discutir alguns conceitos ligados à gestão de negócios.

Caçando porcos selvagens

Você sabe como capturar porcos selvagens?Havia um professor de química em um grande colégio com alunos de intercâmbio em sua turma. Um dia, enquanto a turma estava no laboratório, o professor notou um jovem do intercâmbio que continuamente coçava as costas e se esticava como se elas doessem. O professor perguntou ao jovem qual era o problema. O aluno respondeu que tinha uma bala alojada nas costas pois tinha sido alvejado enquanto lutava contra os comunistas de seu país nativo que estavam tentando derrubar seu governo e instalar um novo regime, um “outro mundo possível”. No meio da sua história ele olhou para o professor e fez uma estranha pergunta: “O senhor sabe como se capturam porcos selvagens?”O professor achou que se tratava de uma piada e esperava uma resposta engraçada. O jovem disse que não era piada. “Você captura porcos selvagens encontrando um lugar adequado na floresta e colocando algum milho no chão. Os porcos vêm todos os dias comer o milho gratuito. Quando eles se acostumam a vir todos os dias, você coloca uma cerca mas só em um lado do lugar em que eles se acostumaram a vir. Quando eles se acostumam com a cerca, ele voltam a comer o milho e você coloca um outro lado da cerca. Mais uma vez eles se acostumam e voltam a comer. Você continua desse jeito até colocar os quatro lados da cerca em volta deles com uma porta no último lado. Os porcos que já se acostumaram ao milho fácil e às cercas começam a vir sozinhos pela entrada. Você então fecha a porteira e captura o grupo todo.” “Assim, rapidamente, os porcos perdem sua liberdade. Eles ficam correndo e dando voltas dentro da cerca, mas já foram pegos. Logo, voltam a comer o milho fácil e gratuito. Eles ficaram tão acostumados a ele que esqueceram como caçar na floresta por si próprios, e por isso aceitam a servidão.” O jovem então disse ao professor que era exatamente isso que ele via acontecer neste país. O governo ficava empurrando-os para onde ele queria e espalhando o milho gratuito na forma de programas de auxílio de renda, bolsas isso e aquilo, impostos variados, estatutos de “proteção”, cotas para estes e aqueles, subsídio para todo tipo de coisa, pagamentos para não plantar, programas de “bem-estar social”, medicina e medicamentos “gratuitos”, sempre e sempre novas leis, etc, tudo ao custo da perda contínua das liberdades, migalha a migalha. Devemos sempre lembrar que “Não existe esse negócio de almoço grátis” e também que “não é possível alguém prestar um serviço mais barato do que seria se você mesmo o fizesse”.

Lembre-se sempre disto para que não ocorra com você, nem com seu negócio esta transformação em porco selvagem.

Published nov 05 2007, 11:56 by Paleo
Filed under:

Comments

No Comments

Leave a Comment

(required)  
(optional)
(required)  
Add

About Paleo

Professor Universitário de Graduação e Pós-Graduação, Mestre em Contabilidade e Finanças, Presidente do MUG-RS (Microsoft Users Group -RS). Culminis Speaker e Ineta Speaker.

Detentor das certificações internacionais:
Microsoft Most Valuable Professional (MVP)
Microsoft Certified Trainer (MCT)
Microsoft Certified IT Professional: Consumer Support Technician, Enterprise Support Technician (MCITP)
Microsoft Certified Technology Specialist: SQL Server 2005, Windows Vista, Business Desktop Deployment e SharePoint Services 3.0 (MCTS)
Microsoft Certified Professional (MCP)
Brainbench Certified Professional (BCP)

Diretor e-Studies Cursos e Treinamentos
Diretor Consulting Business Solutions
Microsoft Registered Partner
Microsoft Small Business Specialist
Microsoft Small Business Server 2003 Preinstallation Specialist

Consultor nas áreas Financeira, Contábil e de Tecnologia da Informação.

Todos posts realizados aqui são fornecidos "COMO ESTÃO", sem garantias e não conferem direitos. Todos os posts representam a opinião pessoal de quem os publicou e não refletem qualquer opinião oficial de qualquer empresa com a qual quem postou esteja ligado atualmente, ou tenha sido ligado no passado. O uso de quaisquer códigos postados é autorizado para fins não comerciais e permanece sem garantias explícitas ou implícitas. Qualquer uso de informações ou códigos postados neste site será por conta e risco de quem os utilizar. Caso deseje replicar ou citar algum dos posts deste site você DEVERÁ citar a fonte, ou obter uma autorização expressa de quem a postou, para preservar os direitos autorais e não incorrer em crime contra a propriedade intelectual. O site agradece www.consulting.etc.br pelo apoio.
Powered by Community Server (Commercial Edition), by Telligent Systems