Usando discos Básicos e Dinâmicos no Windows 2000 - Tecnologias

Tecnologias

Assuntos diversos ligados à tecnologia.

Syndication

Receive Email Updates



Usando discos Básicos e Dinâmicos no Windows 2000

Um amigo meu estava com dificuldades para achar o KB que falava sobre, portanto eu copiei e colei o conteúdo dele aqui para facilitar, além do link para o original.

http://support.microsoft.com/kb/308209/pt

COMO: Utilizar a 'Gestão de discos' para gerir discos básicos e dinâmicos no Windows 2000

function loadTOCNode(){}
Artigo : 308209
Última revisão : segunda-feira, 22 de Setembro de 2003
Revisão : 2.1
Este artigo foi publicado anteriormente em PT308209
var sectionFilter = "type != 'notice' && type != 'securedata' && type != 'querywords'"; var tocArrow = "/library/images/support/kbgraphics/public/en-us/downarrow.gif"; var depthLimit = 10; var depth3Limit = 10; var depth4Limit = 5; var depth5Limit = 3; var tocEntryMinimum = 1;

Sumário

loadTOCNode(1, 'summary');
Pode utilizar a ferramenta de snap-in Gestão de discos (Disk Management) do Windows 2000 para gerir os discos rígidos e os volumes ou partições neles contidos. Com a Gestão de discos (Disk Management) é possível criar e eliminar partições, formatar volumes com os sistemas de ficheiros FAT, FAT32 ou NTFS, actualizar discos e criar sistemas de discos tolerantes a falhas. Pode executar a maioria das tarefas relacionadas com discos sem ter que reiniciar o computador, dado que a maioria das alterações de configuração tem efeito imediato. Este artigo descreve algumas das tarefas mais comuns de gestão de armazenamento em disco que se podem executar através da Gestão de discos (Disk Management).

Voltar ao topo

Iniciar a 'Gestão de discos'

loadTOCNode(2, 'summary'); Para iniciar a Gestão de discos (Disk Management):

NOTA: Tem de ter a sessão iniciada como administrador ou como membro do grupo Administradores para concluir este procedimento.
1. Clique em Iniciar (Start), aponte para Definições (Settings) e, em seguida, clique em Painel de controlo (Control Panel).
2. Faça duplo clique em Ferramentas administrativas (Administrative Tools) e, em seguida, faça duplo clique em Gestão de computadores (Computer Management). Em alternativa, abra a MMC que contém o snap-in de Gestão de discos (Disk Management).
3. Na árvore da consola, clique em Gestão de disco (Disk Management).

Na janela Gestão de disco (Disk Management) apresentada, os discos e volumes são apresentados em lista ou graficamente.

Para personalizar o modo de visualização dos discos e volumes nos painéis superior e inferior da janela, clique em Ver (View), aponte para Superior (Top) ou Inferior (Bottom) e, em seguida, clique na vista pretendida.
NOTA: Antes de poder utilizar um disco novo não particionado no Windows 2000 (particionado ou actualizado para disco dinâmico), é necessário que este contenha uma assinatura de disco. A primeira vez que o snap-in Gestão de discos (Disk Management) for executado após ser instalado um novo disco rígido, o Assistente de actualização de discos (Disk Signature and Update Disk Wizard) é iniciado. Se a execução do assistente for cancelada é possível que, ao tentar criar uma partição no novo disco, a opção Criar partição (Create Partition) não esteja disponível (apareça desactivada).

Voltar ao topo

Como gerir discos básicos

loadTOCNode(2, 'summary'); O armazenamento em discos básicos suporta discos orientados para partições. Um disco básico é um disco físico que contém volumes básicos (partições primárias, partições expandidas ou unidades lógicas). Caso o computador tenha sido actualizado de Windows NT 4.0 para Windows 2000, os discos básicos poderão também conter volumes expandidos, espelhado (mirrored), repartido (striped) e RAID-5 se os mesmos existiam no anterior sistema operativo. Pode criar até quatro partições primárias num disco básico ou até três partições primárias e uma partição expandida. Pode também utilizar espaço livre numa partição expandida para criar unidades lógicas.

Caso pretenda que computadores que executam o Windows NT 4.0 ou anterior, o Microsoft Windows Millennium Edition, o Microsoft Windows 98 ou anterior, ou o Microsoft MS-DOS acedam às partições do disco tem de utilizar discos básicos porque estes sistemas operativos não conseguem aceder a dados armazenados em discos dinâmicos.

Criar uma nova partição ou uma nova unidade lógica

loadTOCNode(3, 'summary'); Para criar uma nova partição ou uma nova unidade lógica:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), efectue um dos seguintes procedimentos:
Clique com o botão direito do rato em espaço não atribuído do disco básico em que pretende criar a partição e, em seguida, clique em Criar partição (Create Partition).

- ou -
Clique com o botão direito do rato em espaço livre da partição expandida em que pretende criar a unidade lógica e, em seguida, clique em Criar unidade lógica (Create Logical Drive).
2. Na página Bem-vindo ao 'Assistente de criação de partições' (Welcome to the Create Partition Wizard), clique em Seguinte (Next).
3. Na página Seleccionar o tipo de partição (Select Partition Type), clique no tipo de partição que pretende criar e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
4. Na página Especifique o tamanho da partição (Specify Partition Size), especifique o tamanho em megabytes (MB) da partição a criar e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
5. Na página Atribuir letra de unidade ou caminho (Assign Drive Letter or Path), indique a letra de unidade ou o caminho e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
6. Na página Formatar partição (Format Partition), especifique as opções de formatação que pretende e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
7. Na página A concluir o 'Assistente de criação de partições' (Completing the Create Partition Wizard), verifique se as opções seleccionadas estão correctas e, em seguida clique em Concluir (Finish).
A nova partição ou a nova unidade lógica é criada e é mostrada no respectivo disco básico na janela Gestão de disco (Disk Management). Caso tenha optado por formatar a partição no passo seis, o processo de formatação será iniciado.

Formatar uma partição, uma unidade lógica ou um volume básico

loadTOCNode(3, 'summary'); Para formatar uma partição, uma unidade lógica ou um volume básico:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato na partição, na unidade lógica ou no volume básico que pretende formatar (ou reformatar) e, em seguida clique em Formatar (Format).
2. Na caixa de diálogo Formatar (Format), especifique as opções de formatação que pretende e, em seguida, clique em OK.
3. Clique em OK quando lhe for pedido para formatar.

Visualizar as propriedades de uma partição, de uma unidade lógica ou de um volume básico

loadTOCNode(3, 'summary'); Para visualizar as propriedades de uma partição, de uma unidade lógica ou de um volume básico:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato na partição ou na unidade lógica cujas propriedades pretende visualizar e, em seguida, clique em Propriedades (Properties).
2. Na caixa de diálogo Propriedades (Properties), clique no separador adequado para visualizar uma propriedade

Eliminar uma partição ou uma unidade lógica

loadTOCNode(3, 'summary'); Para eliminar uma partição ou uma unidade lógica:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato na partição ou na unidade lógica que pretende eliminar e, em seguida, clique em Eliminar partição (Delete Partition) ou Eliminar unidade lógica (Delete Logical Drive).
2. Clique em Sim (Yes) quando lhe for pedido para eliminar a partição ou a unidade.
NOTAS:
Quando elimina uma partição ou uma unidade lógica, todos os dados dessa partição ou unidade lógica são apagados, além da própria partição ou unidade lógica.
Não é possível eliminar a partição do sistema, a partição de arranque ou a partição que contém o ficheiro de paginação (comutação) activo.
Não é possível eliminar uma partição expandida, salvo se esta estiver vazia. Todas as unidades lógicas têm que ser eliminadas antes de poder eliminar a partição expandida.

Actualizar um disco básico para disco dinâmico

loadTOCNode(3, 'summary'); Antes de actualizar um disco básico para disco dinâmico, considere o seguinte:
Tem de dispor de pelo menos 1 MB de espaço em disco não atribuído disponível no disco básico que pretende actualizar.
Quando actualiza para disco dinâmico, as partições existentes no disco básico são convertidas para volumes simples no disco dinâmico. Além disso, quaisquer volumes espelhados (mirrored), volumes repartidos (striped), volumes RAID-5 ou volumes expandidos existentes são convertidos para o volume dinâmico equivalente.
Depois de actualizar para um disco dinâmico, os volumes dinâmicos não podem ser convertidos novamente em partições. Terá primeiro de eliminar todos os volumes dinâmicos no disco e, em seguida, converter o disco dinâmico novamente para um disco básico.
Depois da actualização para disco dinâmico, o acesso local ao disco dinâmico é limitado ao sistema operativo Windows 2000.
Para actualizar um disco básico para um disco dinâmico:
1. Na vista gráfica da janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato no disco básico que pretende actualizar e, em seguida, clique em Actualização para disco dinâmico (Upgrade to Dynamic Disk).

NOTA: Tem de clicar com o botão direito do rato na zona cinzenta que contém o título do disco no lado esquerdo do painel de detalhes da Gestão de disco (Disk Management), por exemplo, Disco 0.
2. Na caixa de diálogo Actualizar para disco dinâmico (Upgrade to Dynamic Disk), clique para seleccionar a caixa de verificação junto ao disco que pretende actualizar e, em seguida, clique em OK.
3. Na caixa de diálogo Discos a actualizar (Disks to Upgrade), clique em Detalhes (Details) se pretende visualizar a lista de volumes no disco.
4. Clique em Actualização (Upgrade).
5. Clique em Sim (Yes) quando lhe for pedido que actualize e, em seguida, clique em OK.

Voltar ao topo

Como gerir discos dinâmicos

loadTOCNode(2, 'summary'); O armazenamento em discos básicos suporta discos orientados para volumes. Um disco dinâmico é um disco físico que contém volumes dinâmicos. Com disco dinâmicos é possível criar volumes simples, volumes que abranjam vários discos (volumes expandidos e repartidos (striped)) e volumes tolerantes a falhas (volumes espelhados (mirrored) e RAID-5). Os discos dinâmicos podem conter um número ilimitado de volumes.

O acesso local a discos dinâmicos (e aos dados neles contidos) é limitado a computadores baseados em Windows 2000. Os volumes dinâmicos não podem ser acedidos por ou criados em computadores configurados para arranque duplo ou arranque múltiplo com Windows 2000 e uma ou mais versões do Windows NT 4.0 e anteriores, Windows Millennium Edition, Windows 98 Segunda Edição e anteriores, e MS-DOS.

A criação de discos dinâmicos é efectuada através da utilização do comando Actualização para disco dinâmico (Upgrade to Dynamic Disk) em Gestão de disco (Disk Management), para actualizar um disco básico.

Criar um volume simples ou um volume expandido

loadTOCNode(3, 'summary'); Para criar um volume simples ou um volume expandido:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), efectue um dos seguintes procedimentos:
Para criar um volume simples, clique com o botão direito do rato em espaço não atribuído no disco dinâmico em que pretende criar o volume simples e, em seguida, clique em Criar volume (Create Volume).

- ou -
Para criar um volume expandido, clique com o botão direito do rato em espaço não atribuído do disco dinâmico em que pretende criar o volume expandido e, em seguida, clique em Criar volume (Create Volume).
2. Na página Bem-vindo ao 'Assistente de criação de volumes' (Welcome to the Create Volume Wizard), clique em Seguinte (Next).
3. Na página Seleccionar o tipo de volume (Select Volume Type), clique em Volume simples (Simple Volume) ou Volume expandido (Spanned Volume) e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
4. Na página Seleccione os discos (Select Disks), efectue um dos seguintes procedimentos:
Caso esteja a criar um volumes simples, verifique se o disco em que pretende criar o volume simples está listado na caixa Discos dinâmicos seleccionados (Selected dynamic disks).

- ou -
Caso esteja a criar um volume expandido, em Todos os discos dinâmicos disponíveis (All available dynamic disks), clique para seleccionar os discos que pretende e, em seguida, clique em Adicionar (Add).

Verifique se os discos nos quais pretende criar um volume expandido estão listados na caixa Discos dinâmicos seleccionados (Selected dynamic disks).
5. Na caixa Tamanho (Size), especifique o tamanho (em MB) que pretende para o volume e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
6. Na página Atribuir letra de unidade ou caminho (Assign Drive Letter or Path), indique a letra de unidade ou o caminho e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
7. Na página Formatar volume (Format Volume), especifique as opções de formatação que pretende e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
8. Na página A concluir o assistente (Completing the Create Volume Wizard), certifique-se de que as opções seleccionadas estão correctas e, em seguida clique em Concluir (Finish).

Expandir um volume simples ou um volume expandido

loadTOCNode(3, 'summary'); Caso pretenda aumentar o tamanho de um volume simples ou de um volume expandido depois da respectiva criação, é possível expandi-lo adicionando espaço disponível não atribuído do disco dinâmico. Para expandir um volume simples ou um volume expandido:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato no volume simples ou no volume expandido que pretende expandir e, em seguida, clique em Expandir volume (Extend Volume).
2. Na página Bem-vindo ao 'Assistente de expansão de volumes' (Welcome to the Extend Volume Wizard), clique em Seguinte (Next).
3. Na página Seleccione os discos (Select Disks), clique para seleccionar o disco ou discos para os quais pretende expandir o volume e, em seguida, clique em Adicionar (Add).
4. Verifique se os discos para os quais pretende expandir o volume estão listados na caixa Discos dinâmicos seleccionados (Selected dynamic disks).
5. Na caixa Tamanho (Size), especifique a quantidade de espaço não atribuído (em MB) que pretende adicionar e, em seguida, clique em Seguinte (Next).
6. Na página A concluir o assistente (Completing the Extend Volume Wizard), certifique-se de que as opções seleccionadas estão correctas e, em seguida clique em Concluir (Finish).
NOTAS:
Só é possível expandir volumes NTFS ou volumes que não contenham ainda um sistema de ficheiros.
Apenas é possível expandir volumes simples ou volumes expandidos quando o volume tiver sido originalmente criado num disco dinâmico. Os volumes simples ou os volumes expandidos que resultem de uma actualização de disco básico para disco dinâmico não podem ser expandidos.
Não é possível expandir os volumes de sistema e de arranque.

Criar um volume espelhado (RAID-1)

loadTOCNode(3, 'summary'); Um volume espelhado (mirrored), também designado como volume RAID-1, é um volume tolerante a falhas que duplica dados em dois discos físicos diferentes. Os volumes espelhados (mirrored) apenas estão disponíveis em computadores que executem o Windows 2000 Server ou Advanced Server.

Para obter informações adicionais, clique no número de artigo existente abaixo para visualizar o artigo na base de dados de conhecimento da Microsoft (Microsoft Knowledge Base):
293420 (http://support.microsoft.com/kb/293420/) Cannot Create a Mirrored Volume in Windows 2000 Professional
Os volumes espelhados (mirrored) fornecem redundância de dados ao utilizarem duas cópias idênticas (mirrors) do volume. Ambas as cópias do volume utilizam a mesma letra de unidade.

Para criar um volume espelhado (mirrored) ou um volume RAID-5, utilize o procedimento descrito no seguinte artigo da base de dados de conhecimento da Microsoft (Microsoft Knowledge Base):
298155 (http://support.microsoft.com/kb/298155/PT/)COMO: Configurar conjuntos tolerantes a falhas em discos dinâmicos no Windows 2000

Criar um volume RAID-5

loadTOCNode(3, 'summary'); Um volume RAID-5 é um volume tolerante a falhas no qual os dados e a paridade são repartidos por três ou mais discos físicos. Se parte de um dos discos físicos falhar é possível recuperar os dados desse disco recorrendo às informações dos dados e da paridade nos discos em funcionamento.

Os volumes RAID-5 apenas estão disponíveis em computadores que executem o Windows 2000 Server ou Advanced Server. É possível, porém, utilizar um computador que execute o Windows 2000 Professional para criar volumes RAID-5 em computadores remotos que executem o Windows 2000 Server ou Advanced Server. É necessário dispor de privilégios de administrador no computador remoto para este efeito.

Para criar um volume espelhado (mirrored) ou um volume RAID-5, utilize o procedimento descrito no seguinte artigo da base de dados de conhecimento da Microsoft (Microsoft Knowledge Base):
298155 (http://support.microsoft.com/kb/298155/PT/)COMO: Configurar conjuntos tolerantes a falhas em discos dinâmicos no Windows 2000

Formatar um volume dinâmico

loadTOCNode(3, 'summary'); Para formatar um volume dinâmico:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato no volume dinâmico que pretende formatar (ou reformatar) e, em seguida, clique em Formatar (Format).
2. Na caixa de diálogo Formatar (Format), especifique as opções de formatação que pretende e, em seguida, clique em OK.
3. Clique em OK quando lhe for pedido para formatar.

Visualizar as propriedades de um volume dinâmico

loadTOCNode(3, 'summary'); Para visualizar as propriedades de um volume dinâmico
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato no volume dinâmico cujas propriedades pretende visualizar e, em seguida, clique em Propriedades (Properties).
2. Na caixa de diálogo Propriedades (Properties), clique no separador adequado para visualizar uma propriedade

Eliminar um volume dinâmico

loadTOCNode(3, 'summary'); Para eliminar um volume dinâmico, siga estes passos:
1. Na janela Gestão de disco (Disk Management), clique com o botão direito do rato no volume dinâmico que pretende eliminar e, em seguida, clique em Eliminar volume (Delete Volume).
2. Clique em Sim (Yes) quando lhe for pedido para eliminar o volume
NOTAS:
Quando elimina um volume, todos os dados no volume são eliminados com o próprio volume.
Não é possível eliminar o volume do sistema, o volume de arranque ou qualquer volume que contenha o ficheiro de paginação (comutação) activo.

Converter um disco dinâmico para disco básico

loadTOCNode(3, 'summary'); Antes de poder converter um disco dinâmico de novo para disco básico, é necessário eliminar todos os volumes do disco dinâmico.

Para converter um disco dinâmico de novo para disco básico, clique com o botão direito do rato no disco dinâmico que pretende converter para disco básico na janela Gestão de disco (Disk Management) e, em seguida, clique em Reverter para disco básico (Revert to Basic Disk).

NOTA: Tem de clicar com o botão direito do rato na zona cinzenta que contém o título do disco no lado esquerdo do painel de detalhes da Gestão de disco (Disk Management), por exemplo, Disco 0.

Voltar ao topo

Resolução de problemas

loadTOCNode(2, 'summary'); A Gestão de discos (Disk Management) facilita a detecção de uma falha num disco ou num volume. As descrições de estado são apresentadas na vista gráfica e na coluna Estado (Status) da vista de lista, na janela Gestão de discos (Disk Management). Estas descrições fornecem informações sobre o estado corrente do disco ou volume.
Online: Este é o estado normal do disco quando este se encontra acessível e a funcionar correctamente.
Saudável (Healthy): Este é o estado normal do volume quando este se encontra acessível e a funcionar correctamente.
Online (Erros) [Online (Errors)] (apresentado apenas com discos dinâmicos): O disco pode apresentar este estado se nele tiverem sido detectados erros de E/S.

Para resolver este problema, clique com o botão direito do rato no disco e, em seguida, clique em Reactivar disco (Reactivate Disk) para repor o estado Online do disco.
Offline ou Em falta (Missing) (apresentado apenas com discos dinâmicos): O disco pode apresentar este estado se estiver inacessível. Isto pode acontecer se o disco estiver danificado ou temporariamente indisponível.

Para resolver este problema, repare quaisquer problemas do disco, do controlador ou da ligação, certifique-se de que o disco físico está activado e correctamente ligado ao computador, clique com o botão direito do rato no disco e, em seguida, clique em Reactivar disco (Reactivate Disk) para repor o estado do disco como Online.
Para obter uma lista completa da descrição de estados de disco e de volume, consulte a ajuda da Gestão de discos (Disk Management). (No snap-in Gestão de discos (Disk Management), clique no menu Acção (Action) e, em seguida, clique em Ajuda (Help).)

Voltar ao topo

REFERÊNCIAS

loadTOCNode(2, 'summary'); Para obter informações adicionais sobre discos básicos e dinâmicos, clique nos números de artigo existentes abaixo para visualizar os artigos na base de dados de conhecimento da Microsoft (Microsoft Knowledge Base):
175761 (http://support.microsoft.com/kb/175761/PT/)Armazenamento dinâmico vs. armazenamento básico no Windows 2000 e Windows XP
222189 (http://support.microsoft.com/kb/222189/) Descrição de grupos de discos na gestão de discos do Windows 2000
Para obter informações adicionais sobre como trabalhar com discos dinâmicos, clique nos números de artigo existentes abaixo para visualizar os artigos na base de dados de conhecimento da Microsoft (Microsoft Knowledge Base):
254105 (http://support.microsoft.com/kb/254105/) Dynamic Disk Hardware Limitations
225551 (http://support.microsoft.com/kb/225551/PT/)Restrições da expansão de volumes simples em discos dinâmicos
 
A informação contida neste artigo aplica-se a:
Microsoft Small Business Server 2000 Standard Edition
Microsoft Windows 2000 Advanced Server
Microsoft Windows 2000 Server
Microsoft Windows 2000 Professional Edition

Read the complete post at http://msmvps.com/blogs/paleo/archive/2007/10/03/usando-discos-b-225-sicos-e-din-226-micos-no-windows-2000.aspx

Published quarta-feira, 3 de outubro de 2007 19:08 by Carlos Fernando Paleo da Rocha<br />SBS MVP in Brazil